Programa De Olho na Cidade

21/10/2021 - 13:05

Esse tipo de situação a gente não pode tolerar, afirma presidente da OAB Feira sobre caso de feminicídio

Feira de Santana
Esse tipo de situação a gente não pode tolerar, afirma presidente da OAB Feira sobre caso de feminicídio

A Comissão em Defesa dos Direitos da Mulher da OAB em Feira de Santana divulgou uma nota de repúdio ao assassinato da jovem de 21 anos, Kezia Stefany da Silva Ribeiro. De acordo com a Polícia Civil, Kezia foi morta pelo namorado, o advogado criminalista José Luiz de Britto Meira Júnior, na madrugada do último domingo (17), em um apartamento, no bairro do Rio Vermelho, em Salvador.

Em entrevista ao portal de Olho na Cidade, o presidente da OAB de Feira de Santana, Raphael Pitombo, lamentou mais um caso de feminicídio que aconteceu no Estado,

“Mais um caso lamentável de feminicídio que ocorre em nossa sociedade, um fato que deixa a gente bastante triste e revoltado com essa situação, nós enquanto OAB, tanto a nível Feira de Santana, quanto a nível estadual temos um trabalho grande de enfrentamento na questão da violência contra a mulher, com campanhas de conscientização, educativas, de enfrentamento pra essa situação, mas infelizmente é algo que a gente vê corriqueiramente acontecer na nossa sociedade.” Disse.

Segundo o presidente, José Luiz de Britto fazia parte da Comissão de Prerrogativas da Ordem dos Advogados do Brasil na Bahia (OAB-BA), porém já foi afastado.

“A OAB já afastou o advogado da comissão de prerrogativas a qual ele fazia parte, ele agora vai ter a oportunidade de se defender perante a justiça, vai passar por toda uma investigação e acredito que no final sendo condenado deve haver a punição severa, porque essa situação a gente efetivamente não pode tolerar, isso pode gerar pra ele também uma cassação de registro dentro da OAB por entender-se que é uma atitude completamente incompatível com a idoneidade moral necessária pra se exercer a advocacia.” Afirmou.

Comentários

Leia também